Agora lendo: Streaming | Netflix traz Godzilla Minus One após sua vitória do Oscar nas categorias de efeitos visuais

Carregando
svg
Abrir

Streaming | Netflix traz Godzilla Minus One após sua vitória do Oscar nas categorias de efeitos visuais

junho 8, 20244 Min. de Leitura


Eu tenho pouco conhecimento sobre os filmes japoneses de Godzilla. No entanto, sempre acompanhei as produções de Hollywood sobre o monstro gigante. Uma das experiências mais emocionantes que tive como espectadora foi quando assisti aquele Godzilla de 1998, em uma pré-estreia no Madison Square Garden, quando eu trabalhava na Columbia (agora Sony Pictures). Foi incrível! Desde então, assisti a todos os Godzillas subsequentes de Hollywood, incluindo o mais recente, Godzilla e Kong: O Novo Império. Por causa disso, estava muito curiosa para assistir a Godzilla Minus One. Perdi o filme nos cinemas, mas acabei de assistir agora que estreou na Netflix. Devo confessar que estava esperando mais.

A trama se passa em um Japão devastado social e economicamente após o fim da Segunda Guerra Mundial. A situação se torna ainda mais crítica quando uma criatura gigantesca e misteriosa surge do mar para aterrorizar o país, o temido kaiju. Nesse contexto, Kōichi Shikishima (Ryunosuke Kamiki), um piloto Kamikaze que já se sentiu muito próximo da morte, lamenta a perda de muitos de seus colegas engenheiros de aviões de guerra durante um ataque do monstro gigante na Ilha Odo. Sentindo-se culpado e determinado a proteger seus entes queridos e vingar a morte de seus companheiros, Shikishima se une a um grupo de veteranos de guerra para derrotar o monstro conhecido como Godzilla.

Minha opinião

A proposta do diretor Takashi Yamazaki era fazer um filme de Godzilla com um foco maior na história dos humanos. Isso é louvável, especialmente considerando que a história se passa logo após a Segunda Guerra Mundial. No entanto, o personagem principal, Shikishima, é complicado. É difícil sentir empatia por ele, e o ator também exagera muito. Aliás, isso é algo presente em todo o elenco. Portanto, é difícil aguentar até os momentos em que o Godzilla finalmente aparece.

No entanto, aí a trama fica interessante. Desde o início, há uma sequência ótima em que Godzilla destrói tudo em uma pequena ilha. Também há a excelente destruição da cidade e, é claro, o final épico. Gosto da aparência clássica do monstro – especialmente na perseguição ao pequeno barco, que lembra a sensação de Tubarão. É uma pena que falta mais Godzilla na história e que haja tanto foco em Shikishima – o final feliz também parece forçado demais.

No entanto, Godzilla Minus One é o filme japonês de live action de maior sucesso nos EUA. Recebeu muitos elogios da crítica. Foi o primeiro filme em língua não inglesa a ganhar o Oscar de melhores efeitos especiais. E é realmente notável, especialmente considerando o baixo orçamento do filme. Só faltou mais Godzilla na história.


Nosso blog Geek.etc é um colaborador multitarefa que mergulha de cabeça na paixão pelo cinema, anime, seriados e tudo mais que nos faz sentir vivos e conectados com o incrível universo geek!
Fotos: Reprodução, Divulgação, bloghollywood, Google

Qual seu voto?

0 People voted this article. 0 Upvotes - 0 Downvotes.
Tags:#Streaming,
svg

O que você acha?

Mostrar comentários / Deixe um comentário

Leave a reply

svg