Agora lendo: Anime | Estúdio responsável por Evangelion, GAINAX, declara falência

Carregando
svg
Abrir

Anime | Estúdio responsável por Evangelion, GAINAX, declara falência

junho 13, 20244 Min. de Leitura


EvangelionEvangelion
©Evangelion

Após diversos resultados financeiros e de gestão negativos, o estúdio “Neon Genesis Evangelion” (GAINAX) decretou falência, encerrando em breve sua trajetória de 40 anos de existência.

Através do website oficial, a solicitação de falência da GAINAX Co., Ltd. foi aceita pelo Tribunal Distrital de Tóquio. O comunicado destaca uma série de fracassos executivos e empreendimentos malsucedidos, como a administração de restaurantes, uma empresa de animação em CG “não planejada”, grandes empréstimos não garantidos a executivos individuais e a incapacidade de obter contratos de investimento. Como resultado, “caímos em uma situação difícil”, continua o relatório, “sendo expulsos da comissão por falta de pagamento de taxas e processados por empréstimos”. Um exemplo notável é o Studio Khara, que processou com sucesso a GAINAX por falta de pagamento de royalties.

A declaração apresenta o estúdio como um navio afundando, com vários executivos associados à “GAINAX”, resultando em “numerosas demissões e na perda de nosso papel na produção de animação como estúdio”. Esses ex-funcionários ainda “continuaram trabalhando com a marca Gainax independentemente dessa situação”. O ex-diretor representante da GAINAX, Tomohiro Maki, descrito no comunicado como alguém “sem conhecimento em produção de anime”, foi preso um ano após o término de seu mandato, em 2019, por agressão sexual a um menor, o que acelerou o colapso.

Após o escândalo, a GAINAX iniciou uma revisão de suas condições financeiras e descobriu grandes quantias de empréstimos não declarados a bancos em níveis de gestão, venda e transferência de propriedade intelectual sem autorização legítima e não pagamento de dívidas a várias empresas. Apesar das tentativas, como a venda dos direitos de “Panty and Stocking with Garterbelt”, a GAINAX não conseguiu resolver sua enorme dívida. Por fim, uma empresa de cobrança de dívidas as processou em maio de 2024. “Decidimos que seria difícil continuar nosso negócio, portanto, solicitamos falência”, continuou a GAINAX, pedindo desculpas a todos que confiaram na empresa.

A falência da empresa marca o fim de uma importante entidade na produção de anime, responsável por obras como “Neon Genesis Evangelion”, “FLCL” e “Tengen Toppa Gurren Lagann”. Hiroyuki Imaishi deixou a GAINAX para fundar o Studio Trigger, assim como Shinji Higuchi no caso da Gonzo, cujas obras incluem “Welcome to the N.H.K”, “Hellsing” e “Full Metal Panic”. Para evitar o uso indevido da marca registrada GAINAX, ela foi transferida para o Studio Khara, que é considerado um importante parceiro durante suas dificuldades.

Fonte:Aqui!

Nosso blog Geek.etc, mergulha nas profundezas da animação japonesa e no mundo dos desenhos, abraçando todas as cores e formas de expressão que encantam nossa equipe apaixonada por esse universo fascinante!
Fotos: Reprodução, Divulgação, Animeunited, Google

Qual seu voto?

0 People voted this article. 0 Upvotes - 0 Downvotes.
Tags:#Animes,
svg

O que você acha?

Mostrar comentários / Deixe um comentário

Leave a reply

svg